Souto Soares

A cidade fica situada na região da Chapada Diamantina e surgiu no início do século XIX. O crescimento da agricultura e da pecuária foram as principais causas do surgimento de Souto Soares. Barnabé Gaspar e seu irmão Braz Gaspar construíram as primeiras casas da região. Pouco depois, o arraial se desenvolveu e recebeu o nome de Ouricuri, planta abundante e nativa da localidade. No ano de 1926, os revoltosos passaram pelo local aterrorizando seus moradores. Contudo, somente alguns anos mais tarde a paz voltou a reinar naquela região, passando por um ano de dificuldades. Com o desenvolvimento da agricultura e da cana, em 1933, aconteceu a primeira feira de venda de cachaça na região.

Em 1938, foi iniciada a construção da 1ª igreja do lugar, tendo sido escolhido o profeta São João Batista como padroeiro. Até o fim da década de 40, o arraial contava com poucos moradores, que se dedicavam ao cultivo do milho, feijão, mandioca, cana atividades comerciais. Já em 1953, através de uma Lei Estadual, a pequena comunidade passou a ser distrito, recebendo o nome de Licuri, pertencente ao município de Seabra. Contudo, em 1962, o então distrito foi emancipado e recebeu o nome de Souto Soares em homenagem ao médico da região, Dr. João Souto Soares. Nos dias atuais, a cidade é bastante conhecida pela produção de cachaça artesanal, produto famoso e apreciado pelos turistas que visitam o local.


Atrações

Outras Informações

  • Características
  • Artesanato
  • Gastronomia
  • Manifestações Culturais
  • Telefones Úteis
  • Como Chegar
Bahia.com.br
Copyleft 2014